Dia dos Namorados Elegante

O dia dos namorados é sempre uma data especial. Os apaixonados, no entanto, muitas vezes têm dificuldade em escolher presentes criativos e diferentes. Quando um ou os dois são apaixonados também por vinho, a lista é grande, mas tendo em vista a infinidade de rótulos disponíveis no Brasil, podemos presentear o ano todo, assim oContinuar lendo “Dia dos Namorados Elegante”

Manoela, Sommelier, Natureba!

Seu futuro não era incerto, não havia Legião, nem Urbana, não mais. Geração coca-cola? Não! Manoela era doce, naquele tempo nem sonhava que se tornaria uma das mais referenciadas sommeliers do Brasil. Seus princípios, os da boa alimentação, saudável, vegetal, muito mais vegetal, habitavam. Didier para ela, era um ritmo de samba, melhor; pagode. Dagueneau,Continuar lendo “Manoela, Sommelier, Natureba!”

Prontos para Beber

Em uma noite bem agradável, degustamos no Café Journal, em São Paulo, seis belos vinhos prontos para beber e com preços bem atraentes: Borgo Imperiali Franciacorta DOCG (Itália-Lombardia): puro Chardonnay 100% com passagem em barricas francesas de três diferentes safras.Se pudéssemos o chamaria de “o champagne italiano” e não seria um exagero, visto que muitosContinuar lendo “Prontos para Beber”

Como faço para entrar no mercado de vinhos?

No ultimo dia 29 comemorou-se o dia do Sommelier, profissional reconhecido em lei. O enólogo é outro profissional também reconhecido por lei envolvido nesse maravilhoso mundo do vinho, porém  existe muitos profissionais que fazem com que esse cenário fique de pé e nos traga o que há de melhor para ver, sentir e beber.  Continuar lendo “Como faço para entrar no mercado de vinhos?”

Como fazer uma carta de vinhos

por Alexandre Santucci Carrego em meu currículo uma marca que me agrada muito. Fui durante 5 anos o consultor responsável do Restaurante Arábia (SP) para realização da carta de vinhos, bem como treinar a brigada para a venda, com isso ganhamos por duas vezes o prêmio de uma das principais cartas de vinho do BrasilContinuar lendo “Como fazer uma carta de vinhos”

O Prodígio no Vinho

Procuro me manter atento para perceber coisas, eventos e principalmente pessoas fora do comum. Encanta-me deparar com coisas incríveis, pioneirismo e ousadia. No vinho como em qualquer mercado nos acostumamos muito, nos acomodamos seja com a mesma loja, o mesmo estilo de vinho, estilo de gastronomia. Os negociantes de vinho também. Percebo que os novosContinuar lendo “O Prodígio no Vinho”

Viagens e o trabalho

Depois deste breve intervalo, em que estive realmente atarantado com tanto o que fazer pela MMV Importadora (aí ao lado degustação com jornalistas do Rio deJaneiro na Confraria Carioca – veja no blog da MMV), volto para as minhas dicas, novas e boas e etc… Estive andando muito nesses dois ultimos meses, preciso comentar de alguns lugares:Continuar lendo “Viagens e o trabalho”

ENOBLOGS

O mundo novo, cibernético, automático, informático….tudo muito, muito rápido e poderia se tornar impessoal… Isso é curioso! Acabo de trocar alguns e-mails com o Alexandre (Diário de Baco), acho que não nos conhecemos pessoalmente, mas já sinto como se o conhecesse e já se tornou uma pessoa agrádavel, por que? Acredito que esse é oContinuar lendo “ENOBLOGS”

Vinhos do Douro

Em tempos os vinhos portugueses vêem se aprimorando. Na última semana aconteceram mais alguns eventos sobre o tema. Rio e São Paulo receberam novos e já conhecidos produtores da “terrinha”. Quero trazer um produtor que faz um vinho no Douro bem interessante. O seu Reserva é um clássico assinado pelo renomado enólogo português Rui MouraContinuar lendo “Vinhos do Douro”

ENÓLOGO, ENÓFILO, SOMMELIER…

No mundo do vinho existem profissionais que desempenham as mais diferentes atividades. Conhecida é a importância dos enólogos, profissionais preparados em Escolas Superiores ou Faculdades na arte da elaboração do vinho. Eles são extremamente importantes da cantina para dentro. Porém, é inegável o papel relevante que desempenham os enófilos, os amantes do vinho, aqueles que,Continuar lendo “ENÓLOGO, ENÓFILO, SOMMELIER…”