Ele Não Assume nosso Relacionamento nem me Respeita

 

“Minha historia é o seguinte tenho 24 anos e meu parceiro 37 estou em relacionamento de 6 anos sendo que neste período a 1 ano moro com esta pessoa nosso relacionamento sempre foi conturbado cheio de brigas e términos do namoro mas sempre voltávamos e durante algum tempo ficava tudo bem o problema é que sempre quis casar e ter filhos e sempre lutei para isso conversando e estimulando meu parceiro a construirmos uma vida juntos mas ele nunca se mostrou interessado sempre com desculpas nunca dava ele chegou a comprar um terreno para construirmos um imóvel mas quando ele viu que estava perto de ser entregue este terreno ele deu um jeito de vender com a desculpa de que queria comprar um imóvel pronto ok acreditei nele eu mesma vendi o terreno e fiquei na expectativa esperando mas se passou um ano e procuramos casas mas nunca estava bom para ele ate que resolvi parar de falar só para ver o que acontecia e sabe o que aconteceu nada,

 hoje só estou morando com ele por que os pais dele são aposentados e eles foram morar na praia mas ai que o o problema começou tomei uma atitude de eu mesma ir por conta própria morar com ele não teve pedido nem nada eu mesma arrumei minhas malas e fui morar com ele na esperança de que ele se ajeitasse e assumisse de vez nosso relacionamento mas o pior estava por vir, neste mesmo imóvel tinha a casa dos pais dele e de sua irmã então ele tem dois sobrinhos a irmã dele não faz nada eu faço tudo cozinho arrumo a casa tudo mesmo e quando vou reclamar com ele me pede para ter paciência não me da muita atenção e nem me defende ele sempre coloca a família dele em primeiro lugar sempre o questiono sobre isso quando teremos nossa vida não temos privacidade não vivemos como um casal e isso esta ficando cada vez mais difícil o amo muito mas não estou suportando isto e para variar agora ele não me procura mais na cama eu sinto que ele perdeu o prazer por mim não me da mais carinho o beijo é o pior somente selinhos e geralmente quando ele sai para o trabalho e quando ele volta do trabalho. Sabe sempre procurei ser uma boa companheira não sou perfeita tenho meus defeitos, mas faço de tudo para vê-lo feliz, mas não estou aguentando mais tento conversar mas não tem jeito me sinto um lixo humilhada e desvalorizada o pior e que quero sair dessa relação, mas não consigo é mais forte que preciso muito de ajuda por favor me ajudem estou desesperada.”
 
Ah Ajuda!
 
O dito popular diz que só se ajuda quem quer se ajudar!
 
Meu anjo, pelas minhas contas você começou seu relacionamento com 18 anos. Nos tempos de hoje algo incomum é se amarrar tão cedo, buscamos muitas coisas antes do casamento.
Estudar, conhecer lugares, conhecer pessoas essas são algumas das possibilidades que temos antes de dividirmos um teto.
 
Pelo seu relato o que posso dizer é que você forçou uma situação e agora está envolvida nela, dos pés a cabeça e não encontra o caminho de volta? O que fazer para desfazer? Simples, ter humildade para reconhecer seu passo a mais e voltar atrás.
 
Caríssima, seu “parceiro” ainda não é seu companheiro e ele vinha deixando isso claro, mas parece que você não quis enxergar, não quis acreditar. Para seu desespero a estratégia de impor sua presença não vem dando certo, o que era óbvio, não estava pronto, por isso ele não te assume, não assume que és a sua mulher.
 
Sabe, existe algo de errado nos relacionamentos que todo mundo repete, mas poucas pessoas praticam: o respeito.
 
Respeitar o outro, seus desejos, suas vontades, seus compromissos. Quando assumimos a postura de sermos felizes, independente de alguém, realizamos em nós mesmos a qualidade de sermos generosos e amarmos alguém simplesmente pelo o que ele é e não pelo o que queremos que esse alguém seja ou faça, isso é respeito.
 
Para adquirirmos esse respeito é necessário que primeiro nos conheçamos e aprendamos a respeitar nossos próprios desejos, nossos limites e o amor por nós mesmos.
 
Pense na palavra desesperar, ou des-esperar, deixar de esperar.
Esperar é reconhecer o tempo certo, por isso não há desespero.
E tenha certeza, há tempo para tudo, para plantar e para colher, mas há tempo também para retroceder. Há sempre tempo para um novo começo.
 
Boa Sorte e Seja Feliz!
 
Alexandre Santucci
Envie suas perguntas para  SeR no Divã (sernodiva@gmail.com)
Sigilo: seu nome não será publicado.
Publicado no SeR em 06 de Maio de 2012 19:22

Um comentário em “Ele Não Assume nosso Relacionamento nem me Respeita

Adicione o seu

  1. Aconteceu o mesmo comigo. Só tive paz quando terminei o relacionamento e finalmente arranjei uma esposa com todas as qualidades que eu queria! Me arrependeria se ñ tivesse terminado o relacionamento!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: